CNB lança terceira peneira de LoL em dez meses e abre 21 vagas

0

O CNB e-Sports Club anunciou a realização de outra peneira “Preparando Campeões” para revelar e treinar 21 novos talentos do League of Legends brasileiro. Esta é a terceira edição do projeto em dez meses.

A novidade desta edição é a criação de quatro times de base, totalizando sete, com 35 jogadores. Os selecionados serão divididos nas equipes CNB Dorans 1 e 2 (do Bronze V até Ouro I), CNB Brutalizer 1 e 2 (do Platina V até Diamante II), CNB Trinity 1 e 2 (do Diamante I até Desafiante) e o CNB Infinity, que reunirá os cinco melhores candidatos para disputar uma vaga no Circuito Desafiante do Campeonato Brasileiro (CBLoL).

Para participar da peneira, o candidato precisa ter 13 anos completos até o fim de 2016 e pagar a taxa de inscrição de R$ 25 (clique aqui para se inscrever). O projeto é aberto a todos os elos e para interessados de qualquer lugar do Brasil.

“O projeto tem o objetivo de desenvolver jogadores capacitados para atuar nas divisões principais do CNB. O nível de entrada no projeto e a evolução de cada jogador varia de caso a caso. Por conta disso, precisamos de um número de jogadores maior do que o que já tínhamos em nossas categorias de base. Para receber mais jogadores, refinamos ainda mais os níveis de cada time, por exemplo, um jogador que está entre os elos platina V e diamante II, participam da equipe Brutalizer, mas, de acordo com seu nível de conhecimento e habilidade, vai atuar na equipe Brutalizer 1 ou 2”, explica o diretor do CNB Carlos Júnior.

cnb-peneira-2015-divulgacaoSelecionados na 2ª edição receberam premiação na BGS, em São Paulo (Foto: Divulgação)

Com o número de jogadores aumentando consideravelmente, há necessidade de mais pessoas atuando e trabalhando nas categorias de base. Questionado se há gente o suficiente para administrar todas as equipes, Júnior garante que sim: “Terão o acompanhamento de uma comissão técnica composta de 11 profissionais, entre coaches e psicólogos”.

O treinamento dos times de categorias de base acontecem pela internet. “Cada categoria recebe um tipo de acompanhamento diferente, mas, basicamente, a comissão técnica acompanha os jogadores com duas a três scrims semanais, fazem um turno de acompanhamento individual e mais um para explicar a teoria do jogo. Além disso, os jogadores vão contar com uma psicóloga que fará atividade em grupo uma vez por semana, além de ficar de plantão para atendimentos individuais”, explica o diretor.

Na primeira edição, iniciada em abril do ano passado, o CNB e-Sport Club escolheu cinco jogadores. Na segunda, a partir de agosto, outros dez novatos foram selecionados, totalizando 15. Quase todos, com exceção de um, permanecem no projeto nesta terceira edição.

Processo de seleção

Os candidatos passarão por um processo seletivo semelhante ao das edições anteriores. As inscrições serão divididas em duas partes: para as equipes Dorans e Brutalizer o prazo será até o dia 29 deste mês. Já para o time Trinity será até o próximo dia 10.

O processo de seleção também será diferente para as equipes. Os candidatos aos times Dorans e Brutalizer passarão por cinco etapas. Para o Trinity serão três. Todos os detalhes estão no regulamento (clique aqui). Os resultados finais serão anunciados no dia 15 de abril e 4 de março.

O selecionados terão ajuda de custo mensal, receberão equipamentos e uniformes, além de uma viagem para conhecer a gaming house da organização, em São Paulo.

Fonte: Portal MyCNB

Comentários

comentários

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA